Upadacitinibe: novo medicamento oral para artrite reumatoide está disponível nas farmácias de alto custo de todo o brasil

Upadacitinibe: novo medicamento oral para artrite reumatoide está disponível em todo o brasil

Desde de junho de 2022, está disponível nas farmácias de alto custo de todo o Brasil o novo medicamento oral: upadacitinibe (Rinvoc®), que é administrado através de uma dose diária para o tratamento de pacientes adultos com artrite reumatoide ativa moderada a grave, que não responderam adequadamente, ou que foram intolerantes a uma ou mais drogas antirreumáticas modificadoras do curso da doença (DMARDs), incluindo ineficácia à medicamentos imunobiológicos.

Upadacitinibe (Rinvoc®) é um inibidor oral da Janus quinase (JAK) e faz parte do grupo de medicamentos modificadores do curso da doença alvo específico, atuando no controle do alvo da inflamação que causa a artrite reumatoide. Upadacitinibe foi o terceiro medicamento desta classe terapêutica incorporado no Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas da Artrite Reumatoide, atualmente no SUS são fornecidos 3 novos medicamentos orais: baricitibe, tofacitinibe e upadacitinibe.

O baricitibe, tofacitinibe e upadacitinibe têm como vantagens a possibilidade de ser usado por via oral e não necessitar de refrigeração para armazenamento. Além de serem medicamentos orais, podem ser utilizados em monoterapia ou em combinação com outros medicamentos convencionais usados no tratamento da artrite reumatoide. 

Estudos de upadacitinibe apontam que o upadacitinibe demonstrou benefício na remissão clínica comparado a outros medicamentos orais inibidores da JAK (baricitibe, tofacitinibe) e taxas de remissão estatisticamente maiores que anti-TNF (biológicos como adalimumabe, etanercepte e outros). Indicando ainda que a remissão foi possível para 30% dos pacientes que utilizaram upadacitinibe. Ou seja, o uso de upadacitinibe amplia a possibilidade do paciente atingir a remissão e está disponível no SUS, através das Farmácias de alto custo. Confira como ter acesso a upadacitinibe no SUS:

✔️Deve ser prescrito pelo médico e com preenchimento de todos os formulários oficiais, que incluem:

✔️Preencher critérios de indicações clínicas (do PCDT do Ministério da Saúde);

✔️LME (laudo de medicamentos especializado) preenchida e com número do CNS (Cartão Nacional do SUS) e também CPF Ou CNeS do Médico prescritor;

✔️Receita em duas vias com validade para 6 meses;

✔️Exames conforme critérios da (do PCDT do Ministério da Saúde);

✔️Relatório Médico com índice de atividade da doença;

✔️Renovação do processo da LME, exames realizados a cada 6 meses para garantir a segurança do uso dos medicamentos de alto custo.

Confira na integra o Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas de Artrite Reumatoide no SUS: 

http://conitec.gov.br/images/Protocolos/20211112_Portaria_Conjunta_16_PCDT_AR.pdf

20211112_Portaria_Conjunta_16_PCDT_AR

Referências: 

http://conitec.gov.br/images/Relatorios/2021/20210222_Relatorio_592_Upadacitinibe_artrite_reumatoide.pdf
Upadacitinibe para o tratamento de pacientes adultos com artrite reumatoide ativa moderada a grave, disponíve em: http://fi-admin.bvsalud.org/document/view/nbb7z
https://news.abbvie.com/news/press-releases/abbvie-receives-fda-approval-rinvoq-upadacitinib-an-oral-jak-inhibitor-for-treatment-moderate-to-severe-rheumatoid-arthritis.htm?_ga=2.79140499.665850950.1566223698-1470367535.1566223698…

Deixe o seu comentário