Cosaúde analisa inclusão de novas tecnologias no Rol da ANS

Comissão avaliou também contribuições da consulta pública nº 94

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) realizou, nos dias 19 e 20/04, a quarta reunião técnica da Comissão de Atualização do Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde Suplementar (Cosaúde). Foram analisadas a proposta de inclusão de nova tecnologia na lista de coberturas obrigatórias das operadoras de planos de saúde privados e as contribuições realizadas pela sociedade na consulta pública nº 94.

Os participantes debateram a incorporação do medicamento hemifumarato de gilteritinibe (para leucemia mieloide aguda recidivada ou refratária com mutação do gene flt3) e os resultados da consulta pública sobre as propostas de incorporação do venetoclax (para leucemia linfocítica crônica), brigatinibe (para câncer de pulmão não pequenas células localmente avançado ou metastático), erdafitinibe (para carcinoma urotelial localmente avançado ou metastático), rizanquizumabe (para psoríase moderada a grave), levomalato de cabozantinibe (para carcinoma hepatocelular) e trifluridina associada ao cloridrato de tipiracila (para câncer colorretal metastático e câncer colorretal metastático).

As análises de incorporação de novos procedimentos ou medicamentos levam em conta as evidências científicas sobre a eficácia, efetividade e segurança das tecnologias; a avaliação econômica de benefícios e custos em comparação às coberturas já previstas no Rol; e os estudos de impacto financeiro da ampliação da cobertura na saúde suplementar.

A reunião, reservada aos membros da Comissão, foi realizada pela plataforma Microsoft Teams e transmitida ao vivo pelo canal da ANS no Youtube. A gravação está disponível nos seguintes links: dia 1 (19/04) e dia 2 (20/04).



Sobre a 
Cosaúde

A Cosaúde foi criada com o objetivo de assessorar a ANS na definição da abrangência da cobertura assistencial da saúde suplementar, conforme previsto na Resolução Normativa n.º 474/21. Fazem parte da Comissão representantes indicados pelos membros da Câmara de Saúde Suplementar (CAMSS).

Representando a Biored Brasil, a Conselheira Nacional de Saúde, Priscila Torres, é a representante titular do Conselho Nacional de Saúde no Comitê Permanente de Regulação (Cosaude) da Atenção à Saúde e suplente na Câmara de Saúde Suplementar (CAMSS).

Fonte: https://www.gov.br/ans/pt-br/assuntos/noticias/sobre-ans/cosaude-analisa-inclusao-de-novas-tecnologias-no-rol-da-ans

Deixe o seu comentário