CNS promove fórum internacional sobre Educação na Saúde no 15º Congresso Internacional da Rede Unida

Educação na Saúde foi tema de fórum internacional, promovido pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS), no terceiro dia do 15º Congresso Internacional da Rede Unida, nesta sexta (19/06), em Vitória (ES).

O fórum internacional abordou a construção social da Política da Ordenação da Formação de Profissionais de Saúde pelo SUS – Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) e a experiência do CNS na avaliação dos cursos da área da saúde.

“Nosso desafio é imenso, mas nossa vontade de resistir e avançar é maior. Temos a defesa da vida no nosso horizonte e o SUS como uma referência para mudanças no perfil das profissões da saúde e na formação estes profissionais”, afirma a conselheira nacional de saúde Francisca Valda, que coordena a Comissão Intersetorial de Recursos Humanos e Relações de Trabalho (Cirhrt) do colegiado.

“O ataque às universidades e à autonomia docente, nesse projeto fascista que foi desenvolvido ao longo do tempo, sobretudo às universidades federais e que pesquisam assuntos estratégicos”, avalia o coordenador da Comissão de Programação do 15º Congresso Nacional da Rede Unida, Alcindo Ferla, que integra a Cirhrt.

“É a evidência de que esses temas precisam voltar e de que precisamos nos conectar a esse cotidiano da mudança. Eles não nos vencerão e esse debate da avaliação no ensino é fundamental para recuperarmos a energia e enfrentarmos o próximo período”, completa Alcindo.

O fórum de debate também contou com a participação da representante da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) Mônica Padilla, do vice-presidente da Associação Brasileira de Ensino Odontológico (Abeno), Mario Uriarte e da representante da Associação Brasileira de Ensino à Psicologia (Abep) Sonia Lemos.

Assista o Fórum Internacional sobre Educação na Saúde:

Confira mais fotos da atividade: https://flic.kr/s/aHBqjzUCNF 

Fonte: Ascom CNS.

Deixe o seu comentário