Conheça os medicamentos contra Covid-19 aprovados para uso emergencial no mundo

Organização Mundial da Saúde indica ao menos quatro categorias de medicamentos, maioria para tratar manifestações graves da doença

Apesar de a vacinação contra Covid-19 estar avançando em vários países do mundo, inclusive no Brasil, ainda há uma corrida dos laboratórios farmacêuticos para criar um medicamento que evite a evolução grave da doença. Isso porque a vacina não impede a transmissão da Covid-19, embora consiga conter, na grande maioria dos casos, a hospitalização e morte pelo coronavírus.

A droga mais recente a ganhar a atenção de pesquisadores foi molnupiravir, medicamento da Merck Sharp & Dohme (MSD), o primeiro medicamento contra Covid-19 via oral, com a possibilidade de extinguir a infecção em até oito dias com a ingestão de quatro capsulas ao dia durante cinco dias. O Reino Unido aprovou seu uso emergencial na semana passada. A FDA, agência regulatória americana, está considerando fazer o mesmo.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) também avalia a inclusão deste medicamento em sua lista de tratamentos indicados para Covid-19.

Enquanto aguarda a aprovação, a MSD autorizou fabricação de genéricos por outros laboratórios, que ficarão livres do pagamento de royalties, ao menos enquanto a OMS mantiver a declaração de pandemia por coronavírus.

Além do molnupiravir, a Organização Mundial da Saúde já aprovou o uso de outros medicamentos para o tratamento contra Covid-19, sobretudo em pessoas hospitalizadas e com quadros severos ou muito graves, todos com base no critério de severidade da doença: não-grave; grave ou crítico.

Fonte: CNN Brasil.

Deixe o seu comentário